“O objectivo é atrair o mais possível investidores internacionais para Portugal e pensamos que esta solução, em que o Estado acompanha o investimento privado e a opção de compra pré-definida sobre a participação pública nas start-ups é muito atrativa e vai gerar muito interesse”, Marco Fernandes, CEO da PME Investimentos em entrevista ao Jornal de Negócios acerca do novo fundo 200M.

Partilhar: