Criado no âmbito da iniciativa pública Portugal Inovação Social, o Fundo para a Inovação Social (FIS) é um novo instrumento de investimento público que promete dinamizar o setor de investimento de impacto em Portugal, procurando gerar projetos sustentáveis com benefícios sociais e alinhados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas.

A PME Investimentos vai ser a entidade gestora deste fundo pioneiro, não existindo nos países da União Europeia nenhum semelhante assegurado por verbas do Fundo Social Europeu.

A operar nas vertentes de dívida e capital, o FIS vai promover e apoiar Iniciativas de Inovação e Empreendedorismo Social que apresentem respostas inovadoras na resolução de problemas sociais e que se destaquem pelo seu potencial de impacto e sustentabilidade.

 

Na vertente de dívida, o FIS  irá melhorar as condições de financiamento, a redução do risco e o acesso ao crédito das organizações que se candidatem, melhorando a resposta do setor financeiro às necessidades específicas do financiamento na área da economia social e de impacto. A Linha de Crédito FIS tem uma dotação de 100 milhões de euros e um montante máximo de financiamento por operação de 2,5 milhões de euros.

Na vertente de capital, o Fundo procurará atrair investidores para o setor de investimento de impacto, criando condições atrativas para o investimento, mediante a realização de operações de coinvestimento de capital e quase capital com um montante máximo de investimento FIS por operação de 2,5 milhões de euros.

Os membros do Conselho Geral, presidido pela Dra. Susana Ramos, e do Comité de Investimento, presidido pela Dra. Ana Lehmann, já estão designados e efetuaram já as primeiras reuniões de trabalho.

O arranque das candidaturas deverá acontecer em março.

 

 

Partilhar: