Financiamento de projetos em fase “Pré-Seed” que pelas suas características e elevado risco envolvido, tenham dificuldades de acesso ao financiamento.

Empresas que cumpram com o disposto no artigo 8º do Regulamento do SAFPRI e estejam sedeadas nas regiões NUTS II do Norte, Centro e Alentejo ou na região NUTS II de Lisboa.

Projetos com conteúdo tecnológico relevante na fase de prova do conceito independentemente da área cientifica das tecnologias subjacentes ao projeto, sendo considerados objeto destes projetos as provas de conceito tecnológico, a prototipagem, a valorização da propriedade intelectual e o desenvolvimento de planos de negócios.

Período de investimento não poderá exceder os 3 anos.

Da fase de prova de conceito deverá resultar a possibilitar de industrialização dos produtos gerados pela tecnologia bem como o potencial de comercialização desses produtos ou sua capacidade de gerar empresas com potencial de crescimento.

O resultado final da fase de prova de conceito deverá ser um plano de negócios investment ready ou um plano de licenciamento da tecnologia.

O plano de negócios deverá prever a alienação da participação na empresa do Fundo Capital de Risco logo após a conclusão da prova de conceito, apresentando o plano de negócios ou de licenciamento da tecnologia a potenciais investidores.

Baseadas num documento a apresentar pelos promotores (projeto de negócio), que demonstre o potencial de negócio do projeto, que demonstre que detêm a licença de utilização da propriedade intelectual das tecnologias subjacentes ao projeto e que apresente os pressupostos em que assenta o desenvolvimento da prova de conceito tecnológico e a sua rentabilidade.

A participação do fundo não pode ultrapassar os 300.000€, nem 10% do capital subscrito total do FCR.

A participação do FCR, por projeto, não excederá 50% do valor que for atribuído ao projeto com base em estudo de viabilidade de negócio.

Pelo menos 70% da participação do FCR em cada projeto deve ser assegurada por capital ou quase capital.

Fundos de Capital de Risco a constituir ou reforçar no âmbito do presente programa:

ENTIDADE GESTORA

FUNDOS DE CAPITAL DE RISCO

Portugal Capital Ventures, SCR, S.A.

FCR Portugal Ventures Actec II

Espírito Santo Ventures, SCR, SA

FCR IStart I

Beta, SCR, SA

FCR Beta Ciências da Vida

Valor total dos FCR
14,84 milhões de euros

Comparticipação FEDER (via participação FINOVA)
9,36 milhões de euros

Partilhar: